© Cláudio Noy

Sistema de Progresso

Sistema de Progresso

Este percurso de desenvolvimento é direcionado de forma individual tornando-se uma oportunidade de aprofundamento de: habilidades próprias, valorização pessoal e a descoberta vocacional. O Lobito estará desta forma a fazer desabrochar todo o potencial que tem em si, para fazer cada vez mais e ser cada vez melhor.

O sistema de progresso visa o desenvolvimento integral e harmonioso do Lobito, considerando todas as dimensões da sua identidade individual e pessoal: Físico, Afetivo, Caráter, Espiritual, Intelectual e Social.

O escutismo é um jogo, portanto,  o sistema de progressão pessoal funciona também como um jogo, existindo um caminho a ser feito, através de escolhas e opções pessoais.

O progresso está orientado por objetivos educativos, apresentando os seguintes componentes:

  • Diagnóstico inicial - apresentação e conhecimento das CCA (Conhecimentos, Competência e Atitudes) dos aspirantes, os Patas-Tenra;
  • Adesão - consciência pessoal da criança no que diz respeito ao seu progresso e à sua preparação para a Promessa;
  • Promessa de Lobito - comprometimento pessoal e espontâneo, assumindo perante a Alcateia e a família;
  • Escolha dos Trilhos - cabe ao Lobito tomar decisões no seu progresso visando a concretização de objetivos por ele escolhidos. Em cada Área encontrará Trilhos, em cada Trilho encontrará Objetivos, os Objetivos serão concretizados em Oportunidades Educativas. A validação dos objetivos escolhidos deve acontecer no Bando e depois no Conselho de Guias;
  • Oportunidades Educativas - são as atividades escolhidas pelos Lobitos, com o apoio dos adultos, que lhes permitem concretizar os objetivos dos Trilhos;
  • Relação Educativa - entre o Lobito e o Dirigente deve existir uma relação de proximidade e afeto que permita a negociação/construção do progresso a desenvolver, dando sempre que possível autonomia nas escolhas à criança;
  • Diagnóstico, Avaliação e Reconhecimento - deve ser feito envolvendo os diversos intervenientes (o Lobito, a Bando, a Alcateia, a Equipa de Animação, a família, etc.)

 
Pata-Tenra, Lobo Valente, Lobo Cortês e Lobo Amigo, são as etapas que compõem o progresso da 1.ª Secção.

Durante a fase de adesão, o Pata-Tenra deve conhecer e preparar aquele que será o seu progresso a partir da sua Promessa. Nesta fase, há que atender aos resultados do diagnóstico inicial e em diálogo com a sua Equipa de Animação o Lobito deverá escolher aquele que será o seu primeiro percurso de progresso. Nesta fase é crucial o apoio da Alcateia para que possa crescer e assim tornar-se um bom Lobito.

Segue-se a etapa do Lobo Valente, caracterizada pelo facto de os Lobitos não manifestarem medo do desconhecido, enfrentando-o de cabeça erguida, à semelhança de Máugli que enfrentou a Selva com toda a sua coragem. Apesar de, nesta etapa, o Lobito já saber andar, este ainda tem um longo caminho para percorrer, caminho esse que nem sempre será fácil, precisando o Lobito de toda a sua valentia. Com a ajuda da Alcateia, vai aprender a controlar o medo e a trabalhar o auto domínio.

Na Etapa do Lobo Cortês, o Lobito já apresenta mais maturidade sendo responsabilizado de uma forma mais ativa, devendo ser um exemplo para os restantes elementos da Alcateia. O Lobito deve revelar-se amável e respeitador para com todos, mas especialmente para com os Patas-Tenras. Aprende a cumprir a Lei de uma forma mais instintiva, refletindo sobre os seus atos e respetivas consequências. O Lobito que se encontra nesta Etapa conhece os caminhos certos e errados, seguindo o exemplo de Máugli que foi chamado a refletir e a dominar-se, respeitando, sempre o próximo e mostrando-se amável. Nesta Etapa, o Lobito deve mostrar-se alegre, respeitador, simpático e ajudar a zelar por todos e pelo bem da Alcateia.

Segue-se a última Etapa da Caçada, a do Lobo Amigo. Nesta Etapa o Lobito é chamado a ajudar na instrução dos Lobitos mais novos, sendo, mais do que nunca, um modelo para os restantes e um exemplo de amizade. Capacidade de perdoar e de auxiliar os que mais necessitam são competências basilares nesta Etapa. O Lobito segue o exemplo de Máugli, dando vida a valores como a amizade, amor e gratidão. Mais crescido, o Lobito está cheio de vida e no auge das suas capacidades, sendo capaz de uivar como a sua Áquelá. O Lobo Amigo domina a sua vontade e os seus sentimentos, cumpre a Lei da Alcateia e a sua Promessa.

 

Ultima atualização 30.11.2016 Visualizações 13127
Voltar Partilhar