© Ricardo Perna

Mistica e Simbologia

Simbologia da Selva

Simbologia

Tudo na 1.ª secção gira em torno dos lobos: nomes, espaços, rituais…
O símbolo máximo da Alcateia é a Cabeça de Lobo.
Os lobitos levam-na na insígnia da Promessa, bem junto do coração, mas também no Mastro de Honra que acompanha a Alcateia para todo o lado. 
Também as Bandeirolas ostentam a Cabeça de Lobo, fornecendo aos Bandos a sua identidade. 
O lenço de cor amarela é também um símbolo da Alcateia: representa a alegria e também o sol no céu que alumia e aquece, mas também o sol que é Jesus, que ilumina o caminho de cada e ajuda a crescer.
Outros termos: Covil, Rocha da Paz, Rocha do Conselho, Grande Uivo, Danças da Selva, Caçada, Flor Vermelha….

O Imaginário

O imaginário da Alcateia gira à volta de Maúgli, o menino-lobo e suas aventuras na Selva, junto dos outros animais. Nesta obra em dois volumes, R. Kipling faz uma descrição rigorosa da sociedade, usando os animais e mais diversas situações: de proteção, de afetos, de lealdade, de aprendizagem, de perigo, de traição, de entreajuda, entre outras. 
As diversas figuras que surgem no Livro da Selva simbolizam as mais diversas caraterísticas humanas, tanto qualidades como defeitos. Para uma criança, entender o funcionamento da sociedade e das pessoas, torna-se mais fácil através da linguagem figurada de uma história. Mais tarde, saberá transpor para a vida real, o que aprendeu com a história.
O tema da selva não é importante por si próprio: o que conta é o significado que lhe dão os Lobitos. Pois, enquanto vivem o imaginário, usando a fantasia caraterística da idade, os Lobitos vão-se apropriando de regras e princípios de vida. De facto, é pelas atitudes reveladas pelo Menino-lobo que os Lobitos começam a tomar resoluções, a desenvolver valores, a ultrapassar etapas e a aprender a ajudar os outros. 

O Louvor ao Criador

Aos olhos de um Lobito, a realidade existencial de Deus é algo difícil de compreender. Mais próxima e mais concreta, é a imagem de Jesus, dado o conhecimento que o Novo Testamento oferece da sua dimensão humana.
De Deus, para uma criança, importa realçar a sua ação como Criador do mundo em que vivemos e que belo esse mundo é!
Assim, a ligação de um Lobito ao mundo espiritual faz-se essencialmente de duas formas:

  1. a descoberta de Deus na vida concreta do dia-a-dia, ou seja, nos seres, nos objetos, nos acontecimentos, na Natureza, na beleza do que o Homem constrói e no próprio Homem.

  2. através do conhecimento de Jesus, nomeadamente da Sua infância e da Sua relação de amor com o mais pequeninos.

Quando o lobito descobre as maravilhas da Natureza e vive alegre, contente, obediente, amigo de todos e disposto a imitar em tudo o Menino Jesus, percebendo que Este o ama, aprende a louvar o Criador.

Ultima atualização 24.11.2016 Visualizações 21996
Voltar Partilhar