© vatican.va

Mensagem do Papa - Out. 2016

Papa Francisco surpreende Peregrinação Nacional de Escuteiros

O Papa Francisco enviou uma mensagem aos participantes da Peregrinação Nacional de Escuteiros

Lisboa, 10 de outubro de 2016

“Sua Santidade o Papa Francisco saúda com paternal afeto o Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português (...) e sobre todos os participantes invoca a assistência do Espírito Santo e a solicitude da Virgem Mãe (...)”, ouviu-se no Santuário de Fátima durante o encerramento da Peregrinação Nacional de Escuteiros, na Eucaristia de domingo.

Durante a celebração presidida por D. Joaquim Mendes, em que participaram mais de 100.000 peregrinos, os escuteiros presentes foram surpreendidos pela leitura de uma mensagem do Papa Francisco dedicada a todos os participantes desta Peregrinação.

O Santo Padre exortou os escuteiros a seguir os ensinamentos do Evangelho e a dar “testemunho de vida cristã, dando frutos de generoso serviço ao próximo, de paz e bem”. A mensagem Papal termina ainda com a atribuição de uma Bênção Apostólica “aos organizadores, aos membros do Corpo Nacional de Escutas e a quantos nesta data aderiram a esta iniciativa”.

Este fim de semana, escuteiros oriundos de todo o país, e também dois grupos de Espanha, França e Suiça, encontraram-se em Fátima naquele que foi o maior evento dos últimos anos organizado pelo Corpo Nacional de Escutas. Momentos de oração, reflexão, partilha, aprendizagem e também diversão marcaram esta peregrinação, que não se realizava há 10 anos.

Na manhã de sábado, os escuteiros fizeram a pé pequenos percursos que os levavam a diversos pontos de chegada a Fátima, por caminhos definidos pela região de Leiria do Corpo Nacional de Escutas – trilhos seguros e identificados para que no futuro os peregrinos possam ter uma forma mais segura de ali chegar.

O tema central desta peregrinação era o centenário das aparições e o Ano da Misericórdia, e foi com esta base que os participantes tiveram a oportunidade de contactar e passar a tarde de sábado, em diversas dinâmicas opcionais que tinham à sua disposição.

Já à noite, o Santuário iluminou-se com os milhares de luzes acesas na procissão das velas, num momento único de oração e meditação.

O recolhimento e período de descanso teve lugar num acampamento onde foram montadas mais de 4.500 tendas, em parques de estacionamento do Santuário especialmente reservados para o efeito.

Nas palavras de Norberto Correia, chefe nacional do Corpo Nacional de Escutas, o balanço desta atividade foi muito positivo:

“os escuteiros saem daqui mais ricos e com melhores diretrizes para a sua vida”i

Mais informações:
Gabinete de Imprensa do CNE 
gi@cne-escutismo.pt 
+351 927 246 911 

Ultima atualização 28.11.2016 Visualizações 1378
Voltar Partilhar