© Cláudio Noy

Equipa e Equipagem

“O Sistema de Patrulhas é o principal motor do Escutismo, permitindo a cada Escuteiro encontrar o seu lugar entre os outros.”

Baden-Powell Hoje – pistas para um educador no Escutismo




Como está organizada a Equipa

  • a Equipa deve ser, preferencialmente, mista e constituída por elementos de diferentes idades (verticalidade) e é liderada por um Guia;
  • cada Equipa escolhe para seu Nome e Patrono um Santo da Igreja, Pioneiro da Humanidade ou Herói Nacional, cuja vida os seus elementos devem conhecer e tomar como modelo de ação e cuja silhueta figura na bandeirola e no distintivo da Equipa;
  • cada Equipa possui também uma Divisa e/ou Lema, que deve procurar ser um mote de vida do Patrono, e ainda um Grito, que deve assumir a proclamação da divisa ou lema, quando é necessário, por exemplo, para dar o sinal de que está completa na formatura;
  • cada Equipa deve ainda possuir um Livro de Ouro, onde regista todos os seus feitos e acontecimentos marcantes e um Canto de Equipa no Abrigo, que é um local exclusivo e reservado aos seus membros;
  • em cada Equipa, para além do Guia, existem os cargos de Subguia, Secretário/Cronista, Tesoureiro e Guarda de Material, podendo existir ainda, complementarmente, os cargos de Animador, Socorrista/Botica, Intendente e Informático;
  • é aconselhável que cada Pioneiro procure adoptar um totem pessoal ou mantenha aquele que o acompanha ao longo da sua passagem pelas diversas secções;
  • a reunião da Equipa, quando em sede, é feita no seu Canto de Equipa e tem diversos objetivos, não podendo nela ter assento o Chefe da Unidade, a menos que para tal seja convidado.

Como está organizada a Equipagem / Escutismo Marítimo

A organização destas sub-unidades, no Escutismo Marítimo, é em quase tudo igual ao acima indicado, excepto em algumas designações, a saber:

  • a Equipagem é também, preferencialmente, mista e constituída por elementos de diferentes idades e é liderada por um Mestre;
  • cada Equipagem escolhe para o seu Nome e Patrono um Santo da Igreja, um Pioneiro da Humanidade ou um Herói Nacional, sempre com a tendência da valorização de elementos ligados ao meio náutico, cuja silhueta figura na bandeirola e no distintivo da Equipagem;
  • em cada Equipagem, para além do Mestre, existem os cargos de Contra-Mestre, Marinheiro Escrivão, Marinheiro do Detalhe e Marinheiro do Baú, podendo existir ainda, complementarmente, os cargos de Marinheiro Animador, Marinheiro da Botica, Marinheiro da Taifa e Marinheiro do Paiol;
Ultima atualização 07.11.2016 Visualizações 13585
Voltar Partilhar