© Nuno Perestrelo

Proposta Educativa

A Proposta Educativa do Corpo Nacional de Escutas constitui a declaração das finalidades últimas da Associação, expressando a sua intenção educativa, com base na análise das necessidades e aspirações dos jovens num determinado tempo e num contexto sócio-cultural específico.

Neste âmbito, a intenção educativa do Corpo Nacional de Escutas, adequada ao tempo e à sociedade portuguesa presentes, está expressa na Proposta Educativa “Educamos. Para quê?”.

Educamos. Para quê?

Uma Proposta Educativa do Corpo Nacional de Escutas O CNE ajuda jovens a crescer

…a procurar a sua própria Felicidade e a contribuir decisivamente para a dos outros.

…a descobrir e viver segundo os Valores do Homem Novo.

O CNE procura, através do Método Escutista, ajudar cada jovem a educar-se…

...para se tornar consciente do Ser;

  • uma pessoa responsável, autónoma e perseverante;justa, leal e honesta
  • uma pessoa criativa e ousada face aos desafios e que cultiva o espírito crítico de modo a distinguir o essencial
  • uma pessoa alegre, sensível e compreensiva, consciente de si própria, das suas limitações e potencialidades
  • uma pessoa solidária e fraterna, que promove o respeito e a tolerância na sua relação com os outros
  • uma pessoa que assume integralmente o seu compromisso cristão como opção de vida
  • uma pessoa que respeita o seu corpo como manifestação de vida e com ele se relaciona de forma equilibrada

...para se tornar detentor de Saber;

  • uma pessoa que reconhece as suas imperfeições e as procura superar de uma forma constante
  • uma pessoa que busca sempre mais e usa esses conhecimentos para fundamentar as suas decisões, expressando adequadamente as suas ideias
  • uma pessoa que valoriza as sua emoções e afetos, vivendo-os em equilíbrio
  • uma pessoa atenta ao Mundo, no qual identifica o seu papel, valorizando o trabalho em equipa
  • uma pessoa que procura aprofundar sempre o seu esclarecimento na Fé
  • uma pessoa que conhece as capacidades e limites do seu corpo, reconhecendo as ameaças ao mesmo

...para se tornar preparado para Agir;

  • uma pessoa que, comprometendo-se, age de acordo com as suas opções, respeitando os outros e o mundo
  • uma pessoa empreendedora, ativa no desenvolvimento de iniciativas e que cuida da sua própria formação
  • uma pessoa que cultiva amizades e que vive o amor de uma forma plena, dando disso testemunho em família
  • uma pessoa que assume o seu papel na comunidade, exercendo a cidadania de uma forma participativa e generosa
  • uma pessoa que evangeliza pelo testemunho e pela partilha, no respeito pelas convicções dos outros, contribuindo assim para a construção da paz
  • uma pessoa que, reconhecendo o seu corpo como meio para transformar o Mundo, cuida dele em harmonia com o ambiente

O CNE ajuda jovens a crescer...

...para que com o Ser, Saber e Agir se tornem homens e mulheres responsáveis e membros ativos de comunidades, na construção de um mundo melhor.

Ultima atualização 24.11.2016 Visualizações 4000
Voltar Partilhar