© Gonçalo Vieira

Encontro Inicial

O Encontro Inicial consiste numa sessão presencial, com a duração de um dia, a qual tem por finalidade apresentar a missão do Adulto no Escutismo aos potenciais Candidatos a Dirigente convidados e enviados pelos Agrupamentos, e assim propiciar as condições para um discernimento pessoal mais consciente.

Este momento é de frequência obrigatória e, necessariamente, prévio ao Percurso Inicial de Formação, e – portanto – ao início de funções na Equipa de Animação de uma Unidade.

Estrutura
Este encontro deve contemplar os seguintes tempos:

  • Apresentações e dinâmicas associadas aos conteúdos infra;
  • Tempo para apresentação de testemunhos de Dirigentes de referência e, eventualmente, de Candidatos a Dirigente (em fase mais adiantada);
  • Tempo de convívio ou dinâmicas, com possibilidade de conversas (pessoais ou não) com Formadores. Em paralelo, e segundo conveniência regional, pode realizar-se um encontro com os Chefes de Agrupamento e ainda a formação e/ou coordenação dos Tutores Locais de Formação, com vista a enquadrar e organizar o Percurso Inicial de Formação.

Conteúdos
Esta sessão de formação presencial, para além de apresentar o sistema de formação do CNE, com especial ênfase para o Percurso Inicial de Formação, tem como principais conteúdos os seguintes módulos:

  • O Movimento Escutista e o CNE;
  • CNE – Movimento da Igreja;
  • A Missão do Escutismo;
  • O Adulto no Escutismo. 

Na tabela seguinte listam-se os módulos de formação constituintes do Encontro Inicial, de uma hora cada (exceto a referente ao Sistema de Formação que será de duas horas), bem como os respetivos conteúdos.

Vivência
A organização e dinâmica do encontro deve revestir-se de um ambiente acolhedor, com uma comunicação clara e assertiva, podendo igualmente existir propostas de reflexão e atividade que façam recurso ao jogo escutista.

Formação à Distância
Eventuais propostas adicionais de formação à distância são de iniciativa regional.

Animação da Fé
A animação da Fé do Encontro Inicial deve ser estruturada de forma a ser ela própria vivencial e formativa, podendo associar-se, a título de exemplo, ao tempo litúrgico ou a vivências temáticas das Igrejas Particulares ou da Igreja Universal.

Avaliação
Dado este ser um encontro substancialmente informativo e capacitador para uma mais esclarecida opção de adesão de adultos ao Escutismo, não se encontram previstas formas de avaliação da aprendizagem. Contudo, nada obsta e até é adequado que possa haver outras modalidades de avaliação, nomeadamente avaliação da satisfação dos participantes.

Ultima atualização 24.11.2016 Visualizações 2654
Voltar Partilhar